O que fazer com as coisas que o tempo não cura

adelenewsong

Foto: Reprodução

Então dizem que o tempo cura tudo. Dizem que só ele coloca as coisas no seu devido lugar e faz com que tudo se encaixe novamente. Que passamos por tempos difíceis mas que nada é eterno porque chega uma hora que a gente se adapta novamente e reconstrói aquilo que ficou. E é o que dizem.

Por trás do tempo pode até haver uma omissão da consciência, uma adequação do corpo, uma trapaça da mente para fazer a vida continuar fluindo porque não é direito sofrer ad infinitum. Mas, na verdade, a maioria das nossas experiências realmente relevantes continuam lá por mais que a gente não esteja mais vendo, por mais que a gente não esteja pensando, pode ter certeza que estamos sentindo.

E então as vezes a gente desmorona, sem saber o por quê, sem saber muito bem como porque as rachaduras que o tempo nos fez habituar continuam lá e isso é importante lembrar. Se a gente precisa manter esse vaso restaurado em jogo o único jeito dele continuar bem é revisitando as rachaduras, dominando com propriedade como ela é, porque está ali, qual a profundidade e como ela afeta a nossa estrutura. Mas nunca, nunca mesmo, sentar e deixar o tempo passar.

E se for o caso, porque não falar?


Texto inspirado no preview da música nova da Adele que mal conheço mas já me fez chorar um tantinho essa manhã.

comentário(s) via facebookComentário via blog

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *